Após vencer, América se classifica para próxima fase em jogo marcado por fortes emoções

Na tarde de sábado, 13/11,o time do América de Teófilo Otoni venceu por 2 a 1 a equipe de Contagem. A disputa aconteceu no Estádio José Mapa Filho, em Ouro Branco, pela 10ª rodada do Campeonato Mineiro (2ª divisão). Com o resultado, a equipe americana que tinha 12 pontos, conquistou mais três, somando 15 pontos na competição, terminando em primeiro lugar do grupo C.

Em uma partida, bastante disputada, o América abriu o placar aos 33 minutos do primeiro tempo. O camisa 10 Jeferson fez o gol de pênalti. Após o intervalo, os dois times voltaram sem alterações para a etapa final. Aos 14 minutos, o América fez o seu segundo gol. Tatá, o camisa 19 ampliou o placar. Aos 42 minutos da etapa final do jogo, o time de Contagem diminuiu a vantagem do América e marcou seu primeiro gol com o camisa 25, o Queijinho (Sérgio Vinicius).

Emoções e lágrimas

Para o time americano, a vitória era a garantia de seguir na competição. E assim, se concretizou confirmando assim, uma disputada marcada por fortes emoções e lágrimas. Com a responsabilidade de vencer, o time americano registrou momentos de preocupação com o preparador físico, conhecido por Esquerdinha, que aos 44 minutos de jogo, caiu no gramado com a mão no peito. Foi socorrido e levado para um hospital da cidade. Passou por uma bateria de exames e mais tarde liberado para retornar junto com a equipe para casa.

Devido a situação, o jogo ficou parado por sete minutos até que a ambulância que levava Esquerdinha retornasse, pois, não poderia ficar sem atendimento médico durante a partida.

Além  do preparador físico, outro membro da equipe do América passaram mal. Trata-se do auxiliar técnico Rômulo Gama ( que substituía o técnico Milagres, que foi expulso e suspenso por duas partidas) que recebeu atendimento médico no gramado devido a uma taquicardia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *